17 de jan de 2012

A experiência de um ENPJ



Jesus, tendo amado os seus, amou-os até o fim. (Jo 13,1)


As terras de Maringá/PR acolheram jovens de todo o Brasil, entre os dias 8 e 15 de janeiro deste ano, para viver o 10º Encontro Nacional da Pastoral da Juventude. Foram dias de celebração da mística e da identidade dos grupos de base, reafirmando nosso jeito de ser e viver a missão. Para isso, a metodologia escolhida contemplou a vivência comunitária em pequenos grupos de partilha e também no grande grupo que compõe a assembleia, sendo espaço de partilha de projeto de vida e integração entre as diversas culturas do Brasil.

O texto bíblico de João 13,1 perpassou os dias de encontro, refletindo a essência da vida pastoral e motivando os jovens a compartilhar a experiência da vida missionária junto às comunidades que acolheram o encontro. Durante o terceiro dia, os mais de 600 jovens e assessores saíram em missão, visitando casas de família, hospitais, comunidades do meio rural, rezando e abençoando as famílias. O tema “Somos Igreja jovem” foi vivido na prática da ação pastoral, impulsionados pela dimensão evangélica que motiva a ir ao encontro dos necessitados, amando-os até o fim.

Neste espírito de unidade, a Pastoral da Juventude lançou durante o encontro a publicação “Somos Igreja Jovem – um jeito de ser e fazer”, reafirmando a sua identidade como igreja protagonista do Reino. A publicação foi distribuída para todo o Brasil com o intuito de ser um subsídio de estudos para os grupos de jovens e toda a Igreja. Também os assessores de todo o Brasil tiveram espaço para se encontrar e reafirmar a opção profética pela juventude. Nesta oportunidade, confirmou-se o Encontro Nacional de Assessores entre os dias 17 e 19 de agosto de 2012 com local ainda a ser definido. Este será espaço de partilha e renovação do compromisso com o acompanhamento juvenil.

Intensos foram os momentos de mística nas celebrações eucarísticas e nas rezas do Ofício Divino da Juventude. O Deus presente na vida do povo reanimou a experiência pastoral e missionária, sendo fonte de vida para a Pastoral da Juventude em todo o Brasil.

A experiência vivida pelos delegados do Rio Grande do Sul afirmou a identidade vivida pelos jovens do Estado, colaborando na integração e na necessidade de aprofundar as relações organizativas da Pastoral da Juventude no Regional Sul III. Às vésperas da Jornada Mundial da Juventude, os jovens apresentaram-se dispostos a viver a experiência do encontro com povos do mundo todo, celebrando a vida em Jesus de Nazaré.

Na alegria da partilha e na certeza de que é impossível relatar a profundidade das vivências deste encontro, concluo esse breve relato, valorizando a oportunidade de poder representar a Pastoral da Juventude do Vicariato de Gravataí neste espaço de âmbito nacional.

Fabrício Preto
Assessor da Pastoral da Juventude do Vicariato de Gravataí


Nenhum comentário:

Postar um comentário